Equipes da AGR participam da Operação Nordeste Solidário



Além de atender usuários em demandas isoladas, colaboradores da Ouvidoria Setorial e da Gerência de Regulação visitam prefeituras, câmaras municipais e outras instituições para apresentar serviços da agência oferecidos à população

A Agência Goiana de Regulação (AGR) também participa da Operação Nordeste Solidário, realizada pelo Governo de Goiás, em apoio às comunidades afetadas pelas chuvas que se intensificam nesta época do ano. Nesta semana, equipes da Ouvidoria Setorial e da Gerência de Regulação Econômica e Desestatização se reúnem com prefeitos, secretários e outros dirigentes locais para apresentar os serviços que a AGR pode oferecer à população e, também, levantar as demandas nas áreas de saneamento, transporte intermunicipal, terminais rodoviários e energia elétrica.

O objetivo é fortalecer a interlocução com os municípios e intermediar as demandas junto aos prestadores de serviços regulados e fiscalizados pela agência nas diferentes localidades. Nesta quarta-feira (23/11), as equipes estiveram em São João D’Aliança e se instalaram na Sala do Empreendedor, em frente a Secretaria de Educação para fazer o atendimento ao público até às 12h de quinta-feira (24/11). Sexta-feira e sábado (25/11 e 26/11), estarão no prédio da prefeitura municipal de Formosa. Já na próxima semana, a AGR passará por Niquelândia, Itapaci, São Luiz do Norte e Uruaçu.

Durante esta semana, em Teresina de Goiás, as equipes foram atendidas pelo presidente da Câmara Municipal, Ramon de Sousa, que destacou as interrupções frequentes de energia, atraso na execução de novas ligações com obras na zona rural e a falta de podas de árvores pela Enel Goiás. Já em Alto Paraíso, o secretário de Administração e Finanças, Adão dos Santos Rosa, e a chefe de Gabinete, Renata Giordana dos Santos Antonini, apresentaram demandas como fiscalização do transporte irregular, solicitação de bombas de reserva para a captação de água em poços artesianos e recuperação de massa asfáltica em local de serviços feitos pela Saneago. As interrupções de energia também são frequentes no município.

Em Cavalcante, os servidores da AGR foram recebidos pela secretária de Administração, Carolina Magalhães, e pelo secretário de Gabinete e Gestão, Danilo Antônio Ferreira, que pediram linhas regulares para atender o município que conta apenas com transporte irregular, equipamentos reservas para os poços que abastecem a cidade, poda das árvores que atingem a rede elétrica e mais agilidade no atendimento a novas ligações na zona rural. Ainda em Cavalcante, ficou acordado com a prefeitura a realização de uma audiência pública para que a AGR apresente seus serviços.

Na segunda-feira (21/11), também em São João D’Aliança, a AGR se reuniu com a prefeita Débora Domingues Carvalhêdo Barros e com os secretários de Infraestrutura, Ednei Crisóstomo Graça, e de Administração e Planejamento, Elder Luciano de Oliveira. As principais demandas apresentadas foram a reativação do terminal rodoviário de passageiros e providências para que o município tenha bomba reserva para captação de água em poço artesiano. A poda de árvores também não foi realizada este ano e, por isso, as interrupções de energia são constantes. 

Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos – Governo de Goiás

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.