Ouvidoria da AGR disponibiliza relatório de atividades do mês de abril


Card: AGR


Manifestações de usuários cresceram 11,20% em relação a março no que se refere aos serviços públicos de abastecimento de água e esgotamento sanitário

A Ouvidoria Setorial da Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (AGR) divulgou, nesta sexta-feira (06/05), o relatório de atividades do mês de abril, em que se verificou um aumento de 11,20% no número de reclamações registradas no Sistema E-Ouvidoria em relação ao mês anterior. A principal tipologia apresentada pelos usuários de saneamento básico foi a demanda por religação ou reativação do fornecimento de água.

Para esta tipologia, segundo esclarece o ouvidor setorial Francisco Vieira de Macedo, a AGR identifica no sistema se o prestador de serviços não atendeu aos prazos regulamentares para a execução do serviço. Caso isso seja confirmado, a agência determina ao prestador que o consumidor seja isento de pagar qualquer taxa em relação ao procedimento de religação de água.

Ainda de acordo com o relatório disponibilizado pela ouvidoria no site da AGR, www.agr.go.gov.br, o prazo médio de solução das reclamações para este serviço público de saneamento básico foi de oito dias, e o município que teve mais consumidores reclamando continuou sendo Goiânia. A cidade de Anápolis ficou em 2º lugar em relação a essas manifestações.

Transporte
Quanto ao serviço de transporte intermunicipal de passageiros, o número de reclamações registradas na Ouvidoria Setorial em abril manteve-se baixo. Segundo o ouvidor setorial, isso se deve principalmente à Nota Técnica da AGR que ainda estava vigorando até 30 de abril e que flexibilizava o quadro de horários de viagens das empresas operadoras do sistema, em função da pandemia de coronavírus.

Conforme o relatório, as duas tipologias mais reclamadas pelos usuários deste serviço foram: Manutenção do Veículo e Transporte Irregular (Clandestino). Para atender a essas demandas dos usuários, a ouvidoria comunica os casos à Coordenação de Fiscalização de Transportes, que tem intensificado as ações de fiscalização nos Terminais Rodoviários de Passageiros (TRP) e nas principais rodovias do Estado.

Energia
Em relação à prestação de serviços públicos de energia elétrica, o relatório da Ouvidoria Setorial da AGR indica que no mês de abril as tipologias com maior número de reclamações foram: falta de energia, extensão de rede e conexão de microgeração. No que se refere a essas reclamações mais demandadas, a Ouvidoria Setorial da AGR vem tratando o assunto nas reuniões periódicas com a Agência nacional de Energia Elétrica (Aneel), com quem a AGR mantém convênio para fiscalização os serviços prestados pela Enel Goiás.

Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (AGR) – Governo de Goiás

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.